segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Concluindo 2014

            Esse foi um ano em que me dediquei a conhecer autores novos, portanto corri a chance de ler muita tranqueira e foi o que aconteceu sim. Mas também descobri grandes amores. Faz parte da jogatina, nem sempre se tira a sorte grande. Mas a sensação final é que os ótimos escritores com quem me deparei fizeram valer até mesmo as leituras que não me agradaram.
            Resolvi, então, listar todos os livros que li esse ano. Marcar as releituras. Elencar os cinco piores e também os cinco melhores. E dormir tranquila com a sensação de missão cumprida.
            Vamos, então aos livros que gostaria de excluir da minha vida e de todo o resto da população para lhes poupar todo o sofrimento pelo qual passei. Seguem os cinco piores livros desse ano e a hierarquia dos números é pra valer:
5 (o menos pior) : “Verdade tropical” – Caetano Veloso
4 (ruim): “Cidades de papel” – John Green
3 (gastei meu tempo à toa) : “50 tons de cinza 2” – E. L. James
2 (quase morri) : “Dias & Dias” – Ana Miranda
1 (de cortar os pulsos mesmo) : “Apátrida” – Ana Paula Bergamasco
            Vamos para o Oscar dos melhores agora, valendo também a hierarquia:
5 (um lindinho) : “Maus” - Art Spiegelman
4 (meu xuxuzinho) : “Barba ensopada de sangue” – Daniel Galera
3 (é muito amor) : “Angústia” – Graciliano Ramos
2 (uauuuu!) : “Morte súbita” – J. K. Rowling
1 (a melhor surpresa do ano!!!!!) : “Fim” – Fernanda Torres
            Bom, mas agora os créditos de honra, né minha gente! Apesar de ter conhecido muitos autores novos como a Fernanda Torres, o Daniel Galera, a Socorro Acioli e ter amado todos, meu verdadeiro amor pelo estilo dele foi Michel Laub. Ele é incrível! Seus dois livros me surpreenderam, me encantaram e me deram pano pra manga em muitos debates sobre eles. E das releituras, não podia deixar de citar meu Drummonzinho, foi muito feliz revisitar “Contos de aprendiz” quando não sou mais tão pirralha assim e entender melhor a profundidade dos personagens e dos corações humanos. Seu conto “A doida” jamais sairá da minha cabeça.
            Bom, fechando agora com a listagem dos livros lidos, relidos, abandonados e começados em 2014 numa tentativa, talvez falha, de ordem de leitura, ao todo foram 53 livros completos, deles 7 eram releituras; 1 foi abandonado de verdade; e 4 estão em processamento:
   1.      Alice no País das Maravilhas
   2.     A página perdida de Camões
   3.     Barba ensopada de sangue
   4.     Cidades de papel
   5.     Verdade tropical
   6.     O grande Gatsby (releitura)
   7.     Angústia
   8.     A culpa é das estrelas
   9.     Contos de horror
   10.  Apátrida
   11.   E não sobrou nenhum (releitura)
   12.  A revolução dos bichos (releitura)
   13.  Poesia completa de Alberto Caeiro (releitura)
   14.  Carlos Drummond de Andrade – cadernos de literatura brasileira
   15.  Maus
   16.  Graciliano Ramos – Revista Graciliano
   17.  Segundo Tempo
   18.  Dias & Dias
   19.  Robinson Crusoé (adaptação pela Reencontro)
   20.  Contos de Aprendiz (releitura)
   21.  O encontro marcado
   22. Os meninos da Rua Paulo
   23. O orfanato da srta. Peregrine para crianças peculiares
   24.  Morte Súbita
   25. Cidade dos Ossos
   26. O livro amarelo do terminal
   27.  A contadora de filmes
   28.  Na escuridão, amanhã
   29. Vinícius de Moraes – série Encontros
   30.  A desumanização
   31.   A maçã envenenada
   32. Fim
   33. Cidade das cinzas
   34. Luna Clara & Apolo Onze
   35. Romanceiro da Inconfidência
   36. Naufrágios
   37.  Cinquenta tons mais escuros
   38. Holocausto brasileiro
   39. Rumo aos anéis de Saturno
   40. Voos e sinos e misteriosos destinos
   41.  Fernando Pessoa Antologia Poética
   42. Eu sou o mensageiro
   43. Canaã (processando)
   44. Casa grande &e Senzala (processando)
   45. Regresso ao Admirável Mundo Novo (processando)
   46. Tango da velha guarda (abandonado)
   47.  A Escola do Bem e do Mal
   48. A espuma dos dias
   49. [manual prático de bons modos em livrarias]
   50. O chamado do cuco
   51.  O velho e o mar
   52. Cem anos de solidão (releitura)
   53. Areia nos dentes
   54. Amor nos tempos do cólera (processando e releitura)
   55. A cabeça do santo
   56. Lua de larvas
   57.  A bailarina fantasma
   58. A vida do livreiro
Bom, acho que foi uma lista com mais livros bons que ruins, poucos médios. Acho que quase todos foi amor ou ódio! Vamos torcer para que essa lista de livros lidos aumente esse ano!

Desejo a todos os leitores, blogueiros, escritores, vlogueiros, ilustradores, editores e afins do mundo encantado da literatura um excelente 2015!
Escrito por Nathália Mondo Data: 1/05/2015 06:50:00 PM Comente!

0 comentários:

Postar um comentário

  • Skoob
  • Instagram
  • Facebook
  • Youtube

Labels